Floresta e Ambiente
https://floram.org/article/doi/10.4322/floram.2014.021
Floresta e Ambiente
Original Article Forest Products

Determinação da Idade de Transição entre Lenho Juvenil e Lenho Adulto para Três Espécies Florestais por meio de suas Propriedades Mecânicas

Determination of the Age of Transition from Juvenile to Mature Wood for Three Forest Species by Mechanical Properties

Lourençon, Tainise Vergara; Mattos, Bruno Dufau; Gatto, Darci Alberto; Buligon, Ediane Andreia; Hasalein, Clovis Roberto

Downloads: 0
Views: 567

Resumo

Objetivou-se definir a idade de transição entre o lenho juvenil e o lenho adulto das madeiras de Luehea divaricata (açoita-cavalo), Platanus × acerifolia (plátano) e Carya illinoinensis (nogueira-pecã), através de MOE e MOR em flexão estática. Para tanto, foram confeccionados corpos de prova no sentido radial e realizaram-se os ensaios de flexão estática em máquina universal de ensaios. Para determinação da idade de transição dos lenhos, os dados foram plotados no sentido radial, individualmente para cada árvore, e uma regressão foi utilizada para estimar a variação dos dados de forma geral e outra regressão linear foi utilizada na parte ascendente dos pontos. O limite da parte crescente dos pontos determinou a zona de transição entre os lenhos juvenil e adulto. De acordo com os resultados, foi observado que não houve diferença na idade de transição, para cada espécie, em relação à propriedade (MOE e MOR) utilizada para delimitar a zona de transição. Obteve-se idade média de transição entre lenhos de 9,3 para a madeira de plátano, 11,8 para nogueira-pecã e 23,8 para açoita-cavalo.

Palavras-chave

MOE, MOR, açoita-cavalo, plátano, nogueira-pecã

Abstract

The aim of present study was to define the age of segregation of the woods of Luehea divaricata, Platanus x acerifolia and Carya illinoinensis, by Modulus of Rupture (MOR) and Modulus of Elasticity (MOE). To this end, test specimens were prepared in the radial direction and static bending tests were carried out in universal testing machine. To determine the zone of transition between juvenile and mature wood, the data were plotted in the radial direction individually for each tree, a regression was used to estimate the variation of data in general, and another linear regression was used at the initial linear points. The boundary of the increasing part of the data determined the transition zone between juvenile and mature wood. The results showed that there was no difference in age of transition, for each species, in relation to the property (MOR and MOE) used to delimit the transition zone. The following average ages of transition were obtained: 9.3 years for Platanus x acerifolia, 11.8 years for Carya illinoinensis and 23.8 years for Luehea divaricata.

Keywords

MOE, MOR, Luehea divaricata, Platanus x acerifolia, Carya illinoinensis
588e227ee710ab87018b47d2 floram Articles
Links & Downloads

FLORAM

Share this page
Page Sections