Floresta e Ambiente
https://floram.org/article/doi/10.1590/2179-8087.083514
Floresta e Ambiente
Original Article Forest Products

Importância da Distribuição de Assimilados para a Formação dos Extrativos do Cerne em Robinia Pseudoacacia L. de Diferentes Idades

The Assimilate Partitioning Importance for Heartwood Extractives Formation in Robinia Pseudoacacia l. of Different Ages

Dünisch, Oliver; Latorraca, João Vicente de F.

Downloads: 0
Views: 451

Resumo

O objetivo deste trabalho foi estudar a influência da idade da árvore na distribuição de assimilados e na formação de extrativos do cerne de Robinia pseudoacacia. A translocação de assimilados em plantas de 6 e 15 anos de idade foi mensurada em maio e em agosto de 2006, por meio do método do carbono 14. Os teores de extrativos na madeira da zona de transição entre o cerne e o alburno e em anéis de crescimento do cerne foram analisados por HPLC. Em maio e em agosto, em todas as plantas, os brotos e as folhas jovens tiveram a atividade específica do 14C mais forte, quando comparados com outras partes da planta (atividade específica de 14C em brotos/folhas de plantas de 6 anos de idade: 35,2-37,0%; plantas de 15 anos de idade: 31,4-32,2%). No entanto, em plantas analisadas em agosto de 2006, na zona de transição entre o cerne e o alburno, houve também um forte sequestro de assimilados, enquanto que, nas plantas analisadas em maio de 2006, apenas pequenas quantidades de assimilados foram translocadas. A quantidade de assimilados transportados para a zona de transição entre o cerne e o alburno, foi significativamente maior em plantas de 15 anos de idade, em comparação com as de 6 anos de idade. Isso foi acompanhado por um teor mais elevado de extrativos no cerne formado pelas plantas mais velhas em relação ao cerne da madeira formada pelas plantas jovens. Os resultados indicam que a distribuição desigual de assimilados em plantas de Robinia mais jovens e mais velhas afeta a formação de extrativos de cerne, o que pode levar a uma menor durabilidade natural do cerne formado por árvores mais jovens em relação ao cerne formado por árvores mais velhas.

Palavras-chave

lenho juvenil, lenho adulto, durabilidade do cerne, assimilados.

Abstract

This study aimed to investigate the influence of tree age on the assimilates partitioning and its significance for the formation of heartwood extractives in Robinia pseudoacacia L. (black locust). Assimilate translocation in 6- and 15-year-old plants was measured in May and August 2006 using the 14CO2 feeding method. The heartwood extractives content in the sapwood-heartwood transition zone and in individual tree rings of the pure heartwood were analysed by HPLC-chromatography. All plants, buds and young leaves showed the strongest 14C specific activity compared to other plant parts in May and August(14C specific activity in buds/leaves of 6-years old plants: 35.2-37.0%, 15-years old plants: 31.4-32.2%). However, in plants labelled in August 2006 at the sapwood-heartwood transition zone also showed a strong assimilates sink, while only small amounts of assimilates were translocated to the sapwood-heartwood transition zone in the plants labelled in May 2006. The amount of assimilates transported to the sapwood-heartwood transition zone was significantly higher in the 15-year-old plants compared to the 6-year-old plants. This was monitored by a higher content of extractives in the heartwood formed by the older plants compared to heartwood formed by the younger plants. The results indicate that uneven assimilate partitioning in younger and older black locust plants affects the heartwood extractives formation, which might lead to a lower natural durability of the heartwood formed by younger trees compared to heartwood formed by older trees.

Keywords

juvenile wood, mature wood, heartwood durability, assimilate labelling.
588e2290e710ab87018b4821 floram Articles
Links & Downloads

FLORAM

Share this page
Page Sections