Floresta e Ambiente
https://floram.org/article/588e2213e710ab87018b463c
Floresta e Ambiente
Original Article

Conservação da biodiversidade e o papel das formigas (Hymenoptera: Formicidae) em agroecossistemas

Biodiversity conservation and the role of ants (Hymenoptera: Formicidae) in agroecosystems

Queiroz, Jarbas Marçal; Almeida, Fabio Souto; Pereira, Marcos Paulo dos S.

Downloads: 3
Views: 412

Resumo

No mundo todo o alerta sobre a perda da biodiversidade tem preocupado muito. Globalmente, 13 milhões de hectares de terra são convertidos em agroecossistemas, principalmente de áreas com florestas. No passado muito dos esforços conservacionistas estavam focados nas áreas preservadas. O fato é que a maioria dos ecossistemas terrestres é um agroecossistema. Uma das principais questões é saber que parte da biodiversidade funciona ou poderia funcionar de modo específico para promover a sustentabilidade dos sistemas no futuro. As formigas são organismos freqüentemente citados como importantes para a conservação e úteis como indicadores biológicos. Formigas podem agir como agentes de controle biológico em agroecossistemas e reduzir populações de pragas indesejáveis. A influência das colônias de formigas sobre o ambiente pode ser aumentada pelas suas atividades de forrageamento com possíveis impactos sobre o solo e vegetação. A agricultura convencional tem um impacto negativo sobre a diversidade de formigas, enquanto sistemas agrícolas tradicionais freqüentemente são melhores em conservar a biodiversidade. Um dos principais desafios do milênio será o de tentar conciliar o uso sustentável da biodiversidade com benefícios sócio-econômicos para as populações humanas.

Palavras-chave

Fauna do solo, Controle Biológico, Ecologia de Insetos, Agroecologia, Convenção sobre Diversidade Biológica, Mata Atlântica.

Abstract

The loss of biodiversity has been of much concern throughout the world. Globally 13 million ha are annually converted to agricultural use, mainly from forests. In the past, conservation of tropical ecosystems was concentrated on preserved areas. The fact is that most of terrestrial ecosystems is an agroecosystem. One main question is to know what part of biodiversity does or could function in specific ways to promote the sustainability of future systems. Ants are organisms that frequently have been cited as important for conservation and useful as bioindicators. Ant species may act as biological control agents in agroecosystems and reduce undesirable pests. The influence of ant colonies on the environment is enhancing by their ground foraging activities, with possible impacts on both soil and vegetation. However conventional agriculture has a negative impact on ant diversity whereas traditional agriculture systems often are better for biodiversity conservation. One main challenge of this millennium is to find ways to link sustainable use of biodiversity with socio-economic benefits for human populations.

Keywords

Soil fauna, Biological Control, Insect Ecology, Agroecology, Convention on Biological Diversity, Atlantic Forest
588e2213e710ab87018b463c floram Articles
Links & Downloads

FLORAM

Share this page
Page Sections