Floresta e Ambiente
http://floram.org/doi/10.4322/floram.2012.011
Floresta e Ambiente
Original Article Conservation of Nature

Análise de Homogeneidade de Séries Pluviométricas para Determinação do Índice de Seca IPP no Estado de Alagoas

Homogeneity Analysis of Rainfall Series to Determine the Drought Index (SPI) in the State of Alagoas

Junior, José Francisco de O.; Lyra, Gustavo Bastos; Gois, Givanildo; Brito, Thábata Teixeira; Moura, Nathalia da Silva H. de

Resumo

O objetivo deste trabalho foi avaliar a série de dados pluviométricos, sob o aspecto da homogeneidade, no cálculo do Índice de Precipitação Padronizado (IPP) e sua relação com os eventos de El Niño – Oscilação Sul (ENOS), para as regiões fisiográficas do Estado de Alagoas. Para tanto, foram avaliadas séries pluviométricas mensais utilizadas na determinação do IPP obtidas nas estações da Rede Hidrometeorológica da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste, disponíveis nas bases de dados Food and Agriculture Organization (FAOClim Net) e na Agência Nacional de Águas. Nas avaliações, foram adotados dois critérios para a seleção das séries: i) séries superiores ou iguais a 20 anos e ii) início e fim das séries, a partir de 1960 até 1990. Baseando-se nesses critérios, foram selecionadas 36 estações no Estado de Alagoas, distribuídas nas regiões fisiográficas da Zona da Mata, do Litoral, do Sertão, do Sertão do São Francisco, do Baixo São Francisco e do Agreste. Nas séries selecionadas, foi realizado o preenchimento de falhas por regressão linear e aplicou-se o método do resíduo acumulado para análise de homogeneidade. O IPP foi determinado para as séries não homogeneizadas e homogeneizadas, e posteriormente foi usado para caracterização da severidade da seca nas regiões fisiográficas do Estado de Alagoas. Eventos fortes de ENOS, juntamente com IPP homogeneizados, definem padrões mais realísticos dos períodos úmidos e secos do estado, em comparação aos eventos moderados de ENOS, associados com IPP não homogeneizados.

Palavras-chave

ENOS, índice de seca, tratamento de dados

Abstract

The objective of this study was to evaluate the rainfall data series, regarding homogeneity, in the calculation of the Standardized Precipitation Index (SPI) and its relation with the events of El Niño - Southern Oscillation (ENSO) for the physiographic regions of the State of Alagoas. To this end, monthly rainfall series were evaluated. These data is used in the SPI determination obtained at the Hydrometeorological Network of the Northeast Development Superintendence stations, available in the databases from the Food and Agriculture Organization (FAOClim Net) and the National Water Agency. Two criteria for series selection were adopted in the evaluation: i) series greater than or equal to 20 years; and ii) beginning and end of series from 1960 to 1990. Based on these criteria, 36 stations in the State of Alagoas, distributed in the physiographic regions of "Zona da Mata", "Litoral", "Sertao", "Sertao do Sao Francisco", "Baixo Sao Francisco" and "Agreste" were selected. Gap filling by linear regression was performed in the selected series and the accumulated waste method was applied for homogeneity analysis. PPI was determined for the homogenized and non-homogenized series and it was later used to characterize drought severity in the physiographic regions. Strong ENSO events together with IPP homogeneity define more realistic standards for wet and dry periods in the region when compared to moderate ENSO events associated with non-homogenized IPP.

Keywords

ENSO, drought index (SPI), data processing
588e2234e710ab87018b46b5 floram Articles
Links & Downloads

FLORAM

Share this page
Page Sections