Floresta e Ambiente
http://floram.org/article/doi/10.1590/2179-8087.001916
Floresta e Ambiente
Original Article Silviculture

Saturação por Bases no Crescimento e na Nutrição de Mudas de Ipê-Amarelo

Base Saturation on Growth and on Nutrition of Yellow Ipê Seedlings

Cristiane Vieira; Oscarlina Weber

Resumo

RESUMO: O ipê-amarelo (Tabebuia serratifolia) é uma espécie florestal com potencial madeireiro, porém, pouco utilizada em plantios florestais, devido à escassez de informações sobre sua produção tanto em viveiro quanto no campo. Diante disso, realizou-se experimento com o objetivo de verificar os efeitos da calagem no crescimento e na nutrição de mudas de T. serratifolia. O calcário foi misturado ao solo Latossolo Vermelho distrófico de textura franco-arenosa, em sacolas plásticas com capacidade para 2,5 kg. Os tratamentos foram dispostos em delineamento inteiramente casualizado, com cinco repetições: testemunha (26,5%); 60%; 70%; 80% e 100% de saturação por bases. Após 120 dias, avaliaram-se: altura, diâmetro de colo, relação altura e diâmetro, biomassa seca e índice de Dickson. As plantas secas foram submetidas às determinações dos teores de macronutrientes. Os melhores resultados para crescimento da T. serratifolia foram verificados no nível de 70%, principalmente porque N, K, Ca e Mg foram disponibilizados em concentrações adequadas, possibilitando o incremento.

Palavras-chave

Tabebuia serratifolia, calagem, nutrição de plantas

Abstract

ABSTRACT: Yellow ipê (Tabebuia serratifolia) is a forest species with wood potential, but little used in forest plantations because of the lack of information about their production both in the nursery and in the field. Therefore, an experiment was conducted in order to verify the effects of liming on growth and nutrition of T. serratifolia. The lime was mixed with soil dystrophic Red Oxisol with sand loam texture in plastic bags with capacity of 2.5kg. The treatments were in a completely randomized design with five repetitions: control 26.5%; 60%; 70%; 80% e 100% base saturation. After 120 days, were evaluated: height, stem diameter, height and diameter relation, dry biomass and Dickson quality index. The dried plants were submitted to determination of macronutrients content. The better results for growth of T. serratifolia were observed on the level of 70%, mainly because N, K, Ca and Mg were available in adequate concentrations, allowing the increase.
 

Keywords

Tabebuia serratifolia, liming, plants nutrition

References

Alvarez VH. Equilíbrio de formas disponíveis de fósforo e enxofres em dois latossolos de Minas Gerais. Viçosa: Programa de Pós-graduação em Solos e Nutrição de Plantas, Universidade Federal de Viçosa; 1974.

Benedetti EL, Serrat BM, Santin D, Brondani GE, Reissmann CB, Biasi LA. Calagem e adubação no crescimento de espinheira-santa [Maytenus ilicifolia (Schrad.) Planch.] em casa de vegetação. Revista Brasileira de Plantas Medicinais 2009; 11(3): 269-276. http://dx.doi.org/10.1590/S1516-05722009000300007.

Carlos L, Venturin N, Macedo RLG, Higashikawa EM, Garcia MB, Farias ES. Crescimento e nutrição mineral de mudas de pequi sob efeito da omissão de nutrientes. Ciência Florestal 2014; 24(1): 13-21. http://dx.doi.org/10.5902/1980509813318.

Costa RT Fo, Valeri SV, Cruz MCP. Calagem e adubação fosfatada no crescimento de mudas de Mimosa caesalpinifolia Benth. em Latossolo vermelho-amarelo. Ciência Florestal 2013; 23(1): 89-98. http://dx.doi.org/10.5902/198050988442.

Cruz CAF, Cunha ACMCM, Paiva HN, Neves JCL. Macronutrientes na produção de mudas de canafístula em Argissolo Vermelho Amarelo da região da Zona da Mata, MG. Ciência Florestal 2011; 21(3): 445-457. http://dx.doi.org/10.5902/198050983802.

Cruz CAF, Paiva HN, Gomes KCO, Guerrero CRA. Efeito de diferentes níveis de saturação por bases no desenvolvimento e qualidade de mudas de ipê-roxo ( (Mart.) Standley). Tabebuia impetiginosaScientia Forestalis 2004; (66): 100-107.

Dickson A, Leaf AL, Hosner JF. Quality appraisal of white spruce and white pine seedlings stock in nurseries. Forest Chronicle 1960; 36: 10-13.

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – EMBRAPA. Centro Nacional de Pesquisa do Solo. Manual de métodos de análise do solo. 2. ed. Brasília: EMBRAPA; 1997. 212 p.

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – EMBRAPA. Centro Nacional de Pesquisa do Solo. Sistema brasileiro de classificação de solos. 2. ed. Brasília: EMBRAPA; 2006. 412 p.

Favare LG, Guerrini IA, Backes C. Níveis crescentes de saturação por bases e desenvolvimento inicial de teca em um Latossolo de textura média. Ciência Florestal 2012; 22(4): 693-702. http://dx.doi.org/10.5902/198050987551.

Fontes AG, Gama-Rodrigues AC, Gama-Rodrigues EF. Eficiência nutricional de espécies arbóreas em função da fertilização fosfatada. Pesquisa Florestal Brasileira 2013; 33(73): 9-18.

Gonçalves EO, Paiva HN, Neves JCL, Gomes JM. Nutrição de mudas de angico-vermelho ( (Benth.) Brenan) submetidas a doses de N, P, K, Ca e Mg. Anadenanthera macrocarpaRevista Árvore 2012; 36(2): 219-228. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622012000200003.

Gonçalves EO, Petri GM, Caldeira MVW, Dalmaso TT, Silva AG. Crescimento de mudas de em substratos contendo diferentes materiais orgânicos. Ateleia glaziovianaFloresta e Ambiente 2014; 21(3): 339-348. http://dx.doi.org/10.1590/2179-8087.029213.

Maeda S, Bognola IA. Efeito da calagem, do fosfato natural de Gafsa e superfosfato triplo no crescimento inicial e absorção de fósforo em Eucalyptus dunnii.Pesquisa Florestal Brasileira 2011; 31(8): 355-361. http://dx.doi.org/10.4336/2011.pfb.31.68.355.

Maeda S, Bognola IA. Influência de calagem e adubação fosfatada no crescimento inicial de eucalipto e nos níveis críticos de P. Pesquisa Florestal Brasileira 2012; 32(72): 401-407. http://dx.doi.org/10.4336/2012.pfb.32.72.401.

Malavolta E, Vitti GC, Oliveira SA. Avaliação do estado nutricional das plantas: princípios e aplicações. 2. ed. Piracicaba: Potafos; 1997. 319 p.

Matos GSB, Silva GR, Gama MAP, Vale RS, Rocha JEC. Desenvolvimento inicial e estado nutricional de clones de eucalipto no nordeste do Pará. Acta Amazonica 2012; 42(4): 491-500. http://dx.doi.org/10.1590/S0044-59672012000400006.

Passos MAM. Efeito da calagem e de fósforo no crescimento inicial da algaroba (Prosopis juliflora (SW) DC). Viçosa: Programa de Pós-graduação em Fitotecnia, Universidade Federal de Viçosa; 1994.

Sena JS, Tucci CAF, Lima HN, Hara FAS. Efeito da calagem e da correção dos teores de Ca e Mg do solo sobre o crescimento de mudas de angelim-pedra ( Ducke). Dinizia excelsaActa Amazonica 2010; 40(2): 309-317. http://dx.doi.org/10.1590/S0044-59672010000200009.

Silva ARM, Tucci CAF, Lima HN, Figueiredo AF. Doses crescentes de corretivo na formação de mudas de mogno (Swietenia macrophylla). Acta Amazonica 2007; 37(2): 195-200. http://dx.doi.org/10.1590/S0044-59672007000200004.

Silva ARM, Tucci CAF, Lima HN, Souza PA, Venturin N. Efeitos de doses crescentes de calcário na produção de mudas de sumaúma ( L. Gaertn). Ceiba pentandraFloresta 2008; 38(2): 295-302. http://dx.doi.org/10.5380/rf.v38i2.11623.

Silva PMC, Uchôa SCP, Barbosa JBF, Bastos VJ, Alves JMA, Farias LC. Efeito do potássio e do calcário na qualidade de mudas de cedro doce (Bombacopsis quinata). Revista Agroambiente 2013; 7(1): 63-69.

Silva TAF, Tucci CAF, Santos JZL, Batista IMP, Miranda JF, Souza MM. Calagem e adubação fosfatada para a produção de mudas de Swietenia macrophylla.Floresta 2011; 41(3): 459-470. http://dx.doi.org/10.5380/rf.v41i3.23992.

Souza PH, Paiva HN, Neves JCL, Gomes JM, Marques LS. Influência da saturação por bases do substrato no crescimento e qualidade de mudas de (Vell.) Benth. Machaerium nictitansRevista Árvore 2008; 32(2): 194-201. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622008000200001.

Stahl J, Ernani PR, Gatiboni LC, Chaves DM, Neves CU. Produção de massa seca e eficiência nutricional de clones de Eucalyptus dunnii e em função da adição de doses de fósforo ao solo. Eucalyptus benthamiiCiência Florestal 2013; 23(2): 287-295. http://dx.doi.org/10.5902/198050989275.

Tucci CAF, Lima HN, Gama AS, Costa HS, Souza PA. Efeitos de doses crescentes de calcário em solo Latossolo Amarelo na produção de mudas de pau-de-balsa ( sw., bombacaceae). Ochroma lagopusActa Amazonica 2010; 40(3): 543-548. http://dx.doi.org/10.1590/S0044-59672010000300013.

Xavier A, Wendling I, Silva RL. Silvicultura clonal: princípios e técnicas. Viçosa: UFV; 2009. 272 p.
 

58ff57d80e8825a366abdcf6 floram Articles
Links & Downloads

FLORAM

Share this page
Page Sections